Cicloturismo: Haarlem – Leiden

See full screen

Trajeto do 2º dia: Total do dia: 40.33 km – (gpx)
Hospedagem: quarto privado em casa de Berna Zwinkels (Vrienden op de Fiets)
Link do mapa da viagem: http://u.osmfr.org/m/93840/

kb_eu16bike_0302Nosso segundo dia:

  • Como sempre, não saímos cedo. Saímos umas 10 horas e logo começou a chuva, fiquei preocupada com meu pai pois a jaqueta dele não parecia ser das mais confiáveis.
  • Perto do meio dia, paramos para comprar meias secas e tomar um café.
  • Passamos por diversos campos de flores, mas chegamos duas semanas tarde, todas já haviam sido colhidas. No meio do verde, dava para ver uma ou outra perdida.
  • Eu queria conhecer o Parque Keukenhof, mas meu pai já estava cansado da chuva e preferiu seguir adiante, não ir ao parque. Não sabíamos se haveriam flores lá, só indo para saber.
  • Um pouco antes de chegar em Leiden, paramos num banco do caminho para comer castanhas e ver os ciclistas passarem. Só deveríamos chegar na casa onde nos hospedaríamos depois das 17h, portanto, precisávamos fazer tempo.
  • Jantamos num ótimo bar, recomendado pelos nossos anfitriões.

aspas_abrem

No segundo dia, iniciamos o caminho para Leiden. Uma garoa fina, insistente, não foi suficiente para nos fazer desistir… Seguimos viagem, e logo em seguida, a garoa transformou-se em chuva, mas, mesmo assim, seguimos nosso caminho, passando por Lisse, local onde se encontra o famoso Parque Keukenhof, por alguns chamados de Jardim da Europa. É o maior jardim de flores do mundo e, certamente, uma das mais famosas atrações da Holanda. São milhões de bulbos de flores plantados à mão, um a um, formando tapetes de tulipas em uma área verde de 32 hectares.

Infelizmente, não tivemos muita sorte: a colheita das tulipas havia encerrado alguns dias antes, e não pudemos ver o tapete de flores em que se converte o Parque. Vimos, apenas, a terra preparada para o plantio da próxima safra…

Depois de muita chuva e o tombo que levei em Lisse (caí da bici….) o tempo foi melhorando e, ao final da tarde, chegamos em Leiden, onde fomos esplendidamente recebidos pelo casal Berna e Ap, que nos brindou com um bom vinho e uma boa hora de conversa sobre tudo, principalmente ciclismo e Holanda.aspas_fecham

Renato Brunet


 

 

Leave a reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.