Tallinn


Na chegada em Tallinn, o dia estava chuvoso e frio, fomos tomar um café pelo centro e caminhar um pouco pela parte histórica. Fiquei impressionada com a quantidade de turistas, apesar da chuva. Caminhávamos pelas ruas estreitas com grupos de ingleses, alemães, espanhóis. Todos com suas jaquetas de chuva e câmera fotográfica. Lugares com muitos turistas, especialmente grupos, me deixam claustrofóbica. Era como se estivéssemos na Disneylândia visitando centros históricos organizados, tinha até um trenzinho que levava para dar um volta pelo centro.

Eu passei boa parte dos dias em palestras do congresso. Minha mãe passeou pela cidade e foi a lojas de souvenir. Descobrimos que a cidade não é sempre lotada de turistas, são apenas horários que os grupos invadem o centro. No meu entendimento, deve ser o horário que os cruzeiros param ali por algumas horas. O centro pode ser muito bonito e agradável, principalmente pela noite e horas de pouco turismo.

Fomos a uma festa numa praça onde faziam churrasco de salmão e hamburger. Comemos ali, o salmão estava uma delícia. Ficamos um pouco assistindo a apresentação local de coral de senhoras, música e pessoas com vestimentas típica. Estavam comemorando o dia da restauração da independência, quando Estônia conseguiu independência da União Soviética.

Estivemos somente dois dias em Tallinn, mas pudemos ter uma idéia da cidade. As pessoas em geral são muito simpáticas e atenciosas. Chamou a atenção de que nos bares e restaurantes quase não havia garçons, eram na maioria das vezes garçonetes. Todas muito jovens e falavam um bom inglês.

Apoio:


Maetro Hotel

One comment to Tallinn

Leave a reply